quinta-feira, 4 de abril de 2019

Assembleia de Freguesia de Lorvão - 3-4-2019


Assembleia de Freguesia de Lorvão

Porque a minha forma de estar na política é a da cidadania participativa, é de estar junto das pessoas e das suas preocupações e tentar esclarece-las, por isso ontem dia 3-4-2019 estive presente na Assembleia de Freguesia de Lorvão onde solicitei o esclarecimento a cinco questões e que prontamente me foram respondidas e que as passo a mencionar e as suas respetivas respostas:

P - Ponto de Situação em relação da legalização do Jardim Publico de Chelo, se já está em nome do Município de Penacova ou ainda em nome do Senhor António (filho da Dona Zulmira).
R: A Junta de Freguesia já fez o que lhe competia, inclusivamente fez chegar cópias de alguns documentos que eu disponibilizei e aguarda que a Câmara Municipal de Penacova resolva o assunto por ser da competência da mesma.  

P - Qual o ponto de situação em relação às obras de melhoramento da Fonte Histórica de Chelo mas especificamente na construção de um telheiro para dar dignidade ao espaço em si.
R: Depois da intervenção que tive na antepenúltima Assembleia de Freguesia acerca deste assunto, a Junta de Freguesia contactou a “comissão” da Fonte Histórica para articular a possibilidade de se realizar obras de beneficiação, e aguarda que a dita “ Comissão” da Fonte Histórica de alguma resposta.

P - Se a Escola Primária de Chelo está sobre a alçada da Câmara Municipal ou da Junta de Freguesia de Lorvão.
R: A Escola Primária de Chelo está sobre a alçada da Câmara Municipal de Penacova.

P - A quem pertence a Pré- Escola de Chelo, se ainda se encontra em nome do Senhor António que ofereceu o terreno e custeou parte ou a totalidade das obras, ou se está já em nome do Município de Penacova.
R: Foi dito que a Pré-Escola está a ser ocupada para se dar Catequese em Chelo e que a mesma pertence à Câmara Municipal de Penacova, mas que se desconhece se está em nome da Autarquia ou ainda em nome do Senhor António, ou seja, se ainda está como o Jardim publico de Chelo á espera de ser regularizada a situação.


P - Se a Junta de Freguesia tem alguma informação em relação ao início das obras na Estrada que liga a Rebordosa a Chelo, que tem três sítios onde o talude está instável e em risco de derrocada / estando só um dos locais assinalados.
R: Já está encontrada a solução técnica para a estabilização dos taludes, a obra aguarda o início mas falta ainda a “autorização” de um ou dois proprietários dos terrenos para se poder dar início à execução da obra.
 
Jorge Neves
Chelo

Nota: As respostas foram sensivelmente estas e podem ser consultadas quando a Ata da Assembleia de Freguesia estiver disponibilizada para consulta pública.


sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Pontos negros de Chelo e Chelinho

Chelo e Chelinho
Os "Pontos negros" que apresentei na reunião da Assembleia de Freguesia de Lorvão ;

 - Legalização do Jardim de Chelo que ainda se encontra em nome do Senhor António 
 - Abertura das casas de banho do Jardim
 - Recuperar ou retirar os bancos em ferro forjado que se encontram no Jardim
Contentores lixo e vidrão
 Retirar contentor do lixo junto do cruzeiro na estrada para cemitério
 Retirar os contentores do lixo e vidrão (muitos vidros no chão) junto da paragem das camionetas em particular na paragem junto da fabrica.
 Passadeiras - passeios e lombas
 Repintar passadeira em frente Pavilhão com colocação de uma lomba.
 Nova passadeira com lomba junto da fábrica onde para autocarro escolar
 Duas lombas para obrigar a reduzirem a velocidade, uma junto do Jardim e outra onde se situa a passadeira para o Pavilhão
 Alargamento o passeio das “laranjeiras” por questão de segurança para os peões
Fonte Histórica
 Regularizar a situação da Fonte Histórica, passar a fazer parte do cadastro patrimonial da autarquia para poder ser promovida a nível turístico
 Colocar aviso de água não controlada
 Substituir telheiro
 Construir retiro/parque merendas
Diversos
 Alcatroar a estrada entre Chelinho e a Fonte Histórica
 Hasta pública