segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Como nunca digo nunca, quem sabe se um dia...

Hoje alterei o título do meu Blogue de “In” dependente por Coimbra para “In”dependente por Coimbra e Penacova. Porquê?
Vou satisfazer a curiosidade de algumas pessoas que já se questionaram e me questionaram!
Estou recenseado em Coimbra na Freguesia de São Bartolomeu no coração da nossa cidade de Coimbra, onde nasci, cresci, aprendi os valores da vida, mas moro em Chelo, Freguesia de Lorvão no Concelho de Penacova. O meu dever de cidadania, que é igual ao teu e ao de todos, levou-me a conceber um blogue que incidia sobre a minha Freguesia onde posso exteriorizar o que sinto, onde publico os pontos negros da nossa Coimbra e as poucas boas noticias que vão surgindo no dia a dia e principalmente dar a conhecer o que a comunicação local não dá pelos mais variados motivos.
Chelo, é a minha terra de adopção, Lorvão a freguesia onde vivo os fins de tarde, repouso e passo os fins-de-semana. Não posso assobiar para o lado, já chega os que têm responsabilidades ignorarem e assobiarem, por isso, e muito mais, vou continuar, mas agora de uma forma mais atenta e constante a delatar o pouco de bom e o que vai mal na minha freguesia de adopção, que pode a curto prazo vir a ser a minha freguesia de recenseamento, caso a “Lei Relvas” ou como outros lhe chamam a “Lei de Penela” avance, o que não acredito.
Que fique bem claro, quem me conhece, sabe bem, que não misturo politica com amizade, sou frontal, gosto de fazer critica construtiva, detesto a cobardia dos anonimatos.
Espero vir a contribuir para melhorar a qualidade de vida de todos, pois é assim a minha maneira de ser e estar na sociedade, quem assim não o entender, temos pena!

Enviar um comentário